28.3.10

Punheteiros

Quentinha só vem arroz. Você pode pedir na Tancredo Neves, na ACM, no Comércio, em Brotas, em Feira de Santana, não adianta. Acho que em qualquer lugar do mundo, quentinha só vem arroz. Deve haver uma espécie de norma padrão das quentinhas. Não importa o que você peça. Carne, frango, peixe, strogonoff, o caralho que for, pelo menos 60% da quentinha é arroz. Uma alternativa são esses restaurantes em quilo. Mas estão cada vez mais caros. Vejo algumas figuras. É preciso estar sentado numa boa grana ou pelo menos não estar muito preocupado com a conta do gás, para pagar 15, 20, 25 conto de almoço todos os dias. Por isso Ploc mandou bem quando descobriu esse lugarzinho.

O lugar é pequeno, simples, mas bem arrumado. Cadeiras e mesas de plástico. A TV ligada nas notícias do futebol. E uma boa comida. Nada de quiche, fricassé ou risoto de salmão. Comida simples. Feijão, arroz, carne, frango, batata frita, saladinha, farofa, essas coisas. Tudo bem temperado. E o melhor, por um preço digno. Além de tudo, o lugar era bem freqüentado. Havia essas putinhas. Toda hora chegava uma putinha diferente. Uma melhor do que a outra. É preciso reconhecer e agradecer esses achados.

- O lugar é bom – eu disse.
- Tô dizendo – disse Ploc – É barato pra caralho. Ó meu prato. 11 reais. Onde é que vou encher o prato desse jeito naquelas porra cara dos inferno da Tancredo Neves e só pagar 11 conto?
- Ali é coisa de maluco – eu disse.
- Falar em maluco, Bono! Você viu o Big Brother? Puta que pariu...
- Já sei, já sei...bati uma bronha!
- Você viu aquela puta?
- Vagabunda! Eu bati uma bronha!
- Fazendo a “bundinha louca”...
- Bundinha maluca...
- Bundinha maluca! Meu cacete subiu na hora.
- Tô dizendo, bati uma bronha.
- A porra da bunda tremia assim, velho, parecia aqueles cachorrinhos que a galera bota no carro e fica com a cabeça balançando assim...
- Você viu que a desgraçada disse que já lambeu do chão?
- Eu vi! Cachorra. Ali sabe fazer, Bono.
- Falar em saber fazer – eu disse – Aquele link que você mandou.
- Do caralho, né?
- Você sabe das coisas.
- Vintage, Bono. Meu negócio é vintage.
- Melhor que essas porra de agora.
- Anos 80. Anos 80 e 70. Você precisa ver meu arquivo. Cicciolina, Nina Hartley, Angélica Bella, só as feras, os franceses, Buttman, tenho todos os clássicos, minha favorita é Cicciolina, tenho a obra completa.
- Esses filmes de agora, você liga, a porra já começa com a mulher chupando a pica do cara, assim, do nada, começa os créditos, logo depois tá a mulher chupando a pica do cara. Chega a ser imbecil.
- É isso. Naquele tempo tinha história.
- Hoje fica só a putinha loira sentada no pau do cara...
- É, é sempre loira...
- Sempre loira. Tudo igual, tudo com a mesma carinha de idiota, com as buceta tudo igual, tudo raspada, e o cara mete ela de quatro, e elas ficam fazendo aquelas carinhas de sempre, oh, yes, oh, yes, fuck me, oh, yes, com a vozinha fina.
- Mas raspadinha é melhor de chupar, Bono...
- Sim, porra. Mas são todas iguais, tudo estilo putinha da Malhação, aquelas menininha tudo igualzinha. Eu como, não tô dizendo que não como, lasco em banda, é porque não me dão mole, mas se der, lasco em banda. Eu tô dizendo que eu prefiro mulher de verdade. Porra, sacanearam a Playboy da Young porque a mulher era cabeluda e não tem a bunda das meninas do Pânico. Eu pensei, então não sei mais o que é mulher! Ela é gostosa. Foi assim que cresci vendo mulher pelada, na revista, ou vendo a empregada de relance, eu via era aquele trianguluzão preto na frente, peito normal, celulite e tudo, então isso ficou na minha cabeça, porra. Por isso eu gostei dessa parada aí...
- Vintage!
- Vintage...
- Você precisa ver meus favoritos. Mais de 300 sites. Tem tudo, ninfeta, amadoras, anã, gordas, albinas, negonas, coroa, hardcore, bondage, bondage eu não curto não, tem grupal, japonesas, aquelas colegiais japonesas, saca?
- Tô ligado.
- Tem desenho animado, tem tudo, mas o carro chefe é vintage.
- Manda essa porra de vintage pra mim.
- Mando, você vai pirar.
- Putinha, putinha, putinha entrando...
- Porra, essa é gostosa, Bono.
- Peitão do caralho...
- Rabo da porra...
- Essa dá o cu.
- Será que lambe do chão?
- Não sei, mas com certeza dá o fofinho.
- Chupa que é uma beleza – disse Ploc enquanto dobrava a manga esquerda da camisa
- Pra que isso?
- Pra eu não esquecer de bater uma punheta.
- E aí, vamo embora?
- Rapidinho, acho que vou pegar um segundo tempo de batata frita.

Realmente o velho Ploc Monster sabe das coisas. Essa de dobrar a camisa é boa. Já esqueci muitas vezes de bater umas bem merecidas. Bom, Ploc só não sabe que eu já bati uma linda bronha em homenagem à senhora sua mãe. Conheci a cora quando ele me chamou para almoçar em sua casa. Uma mulher elegante, bonita, belas pernas, peitos de verdade, bunda de verdade, uma mulher de verdade que certamente tinha uma buceta de verdade. Eu peguei leve, comi pouco. Ela disse “Coma à vontade, Bono” e depois, “Volte sempre, Bono”. À noite, eu só pensava naquele “Volte sempre, Bono”. Bati uma bela de uma punheta embaixo do chuveiro. Pensando na coroa, na mãe de Ploc. Em sua cama. Enquanto Ploc estivesse no curso de inglês. Uma foda quase romântica. Eu chupava seus peitos devagar. Eu dizia, “foi nesses peitos que você deu de mamar a Ploc, foi? Seus peitos são lindos. Eu te amo. E metia devagar. Foi gostoso. E vou dizer uma coisa. Foi uma energia diferente. Foi uma das punhetas mais reais que já bati. Talvez, do outro lado da cidade, a mãe de Ploc tenha sentido até um leve arrepio nos pelos de seu triangulo. Com todo respeito.

31 comentários:

Pablo Araújo disse...

Com todo o respeito pra finalizar o post foi ótimo.

Ploc com certeza vai achar muito respeitoso

A viajante disse...

Hora de revidar. Ploc no mínimo vai contar o que fez com sua tia-avó favorita!

Mwho disse...

Pegou pesado, hein?! Playboy da Young - até o seu amigo Ping Pong deve ter ficado abalado...

Elga Arantes disse...

A mãe?
Você é um filho da mãe!

Mr. K disse...

auahuahuaauahuaauha.... pra mãe do cara é fodz, com todo respeito.

Guives disse...

(eu conheço PLOC Monster)

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Hahahahahhahahahaahhahaahahah

EU RI D+ de fuder

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
hahahahahahaaahahahahahaha

Bono amigão, quero morrer teu amigo.

jesus disse...

lembre-se de "y tu madre tambien"

o cara que usa trema mesmo sem estar obrigado pela norma é mesmo um gigante. Eu amo o trema.

Bruno Porciuncula disse...

Rapaz, concordo com você! Lembro que na minha adolescência, só pegava na locadora filmes da série As Panteras.

Era uma produtora brasileira, com cara de fundo de quintal, na qual as mulheres apareciam com suas celulites, suas estrias e espinhas na bunda.. isso é que é beleza natural!

Hoje, até nas produtoras brasileiras, o que se vê são mulheres montadas... peito, bunda, lábios.. tudo de silicone!

Caio disse...

kkkk! Paulo Bono quase sempre genial! obrigatoriamente terrivel!!!

kkkkkkkkkkkkk!

Ricardo Cidade disse...

Eu gostei da Playboy da Young também.

Perna disse...

meu irmao...fuderoso demais!! vc eh foda paulo bono...."foi nesses peitos que você deu de mamar a Ploc, foi?"..hahahahah o ridno demais véi..

Marcos Satoru Kawanami disse...

Mr. Bono,

you're a damned mother fucker!


o Pedro Bial se deu bem, deve estar comendo a Maroca de tudo quanto é jeito. a Maroca tem muita celulite na bunda e nas coxas, mas isso é tão feminino..., tão vintage... A Maroca é a mais gostosa do BBB.

vc gosta de cu, né? eu não. claro que nem por isso vou te dar o meu, do meu eu gosto. o problema é que eu nunca consegui comer o meu cu. como é que eu faço?

o triângulo bucetáceo capilar é também chamado: Triângulo de Vênus.

beijo... na mãe?
;P
Marcos

Rodrigo Carreiro disse...

Uma aula, Bono. Uma aula.
A sorte dos meninos de hoje (e nossa também, né?!) é ter a internet com seu acervo infinito de putaria. Viva!

Daniel Pfaender disse...

Fricassé, quiche e arroz a piemontese são bons sim! Assim como rabada com agrião, moela ensopada e dobradinha com jalapeño! Como também são deliciosas Gaby Gomes e Clare Morgane ou Nina Hartley e Cicciolina (pelo menos essa duas últimas foram há uns anos atrás. Smpre tem hora certa pra apreciar ambas!

sobre bater uma pra mãe do amigo, penso que é o tipo de coisa que o Pedro Juan Gutierrez contaria numa crônica de domingo... bizarro Bono, bizarro...

Bolota da Bahia disse...

Ô véi... derrube logo aí onde é esse quilo, caralho!

Bolota da Bahia disse...

Essa Elga Arantes é gostosa. Merece...

Paulo Bono disse...

Mwho,
A Fernanda Young é gostosa.

Kawanami,
Maroca é escandalosamente boa.

Pfaender,
Sobre a coluna do Gutierrez,
agradeço o elogio.

Bolota,
É na Pituba, só esqueci o nome.
Alguma coisa, Gula.

abraço a todos

Sunflower disse...

Leila Lopes mudou a minha visão de mundo.

beijas

Ric Dexter disse...

Não te apresento minha mãe nem com a porra!

Abraço.

Mel disse...

Hijo de una puta madre cabrón!!!

Hahahahahahahahah! Rachei de rir!

E concordo contigo, a playboy da Young ficou um tesão...

oquemeinferniza disse...

Nossa parabéns pela maneira que vc escreve, ri horrores.Se a mãe do ploc sabe dessa história do chuveiro... hahahaha voltarei sempre.

Fábio disse...

Essa de dobrar a camisa foi boa. o Tal Ploc deve ser um tipo de Onanista profissional. Sabe tudo, deve ser daqueles caras que senta na mão pra ficar doremnte e imaginar que é a mão de outra pessoa tocando pra ele.

Abraços.

Marcos Satoru Kawanami disse...

pô, meu, tu me fode os meus cumentário...

cá em SP rola, leia-se róla, mó avacalhamento com os baiano, baiano feito tu.

mas eu sempre defendi os peão-de-obra-cachacero, digo, baiano, desde criancinha, e mais ainda depois de grande, porque é os baiano que trás as baiana pra nós, hehe cupanhero...

agora tu, BAIANO, fica censurando meus cumentário, VAI PRA PORRA SEU BAIANO FILHO DO BRASIL!


;P
"Satoru Nakagima"
lembra? pois é, era a merda de apelido que eu tinha na 4ªsérie...

Paulo Bono disse...

Dexter,
A coroa deve ser bonita então.

Sunflower,
Não vi o de Leila Lopes. Mas soube que tem um roteiro revolucionário.

Fábio,
Ploc é psicopata. E saca tudo de pornografia. Essa da mão dormente é clássica.

Kawanami,
Censuro, porra, porque já é sabido que seus comentários infames são muito melhores que minhas histórias. Concorrência, não, Nacional Kid.

grande abraço

Marcos Satoru Kawanami disse...

Bono,

também não vi o de Leila Lopes, mas estudei a causa mortis e concluí:

ROTEIRO REVOLUCIONÁRIO



in memmoriam
Marcos

Stephanie disse...

Bono,
se a Fernanda Young não tivesse falado um monte de merda sobre "salvar o erotismo" e blábláblá - talvez nego não tivesse zoado tanto o ensaio dela.

porque tinha algumas coisas bacanas ali, tirando o fato dela ser uma pseudo intelectual chata pra cacete, afinal era uma mulher de 40 anos, com algum photoshop, mas sem bronzeamento artificial, montes de silicone e toda malhada.

Acho muito bom quando os homens escrevem sobre mulheres de verdade, sem essa mania magreza e de depilação a zero o tempo todo. Acho que as mulheres andam cada vez mais piradas nessas porras de estética e não tem menor noção do que os cara entedem por uma mulher gostosa - o que pode ser muito mais que uma panicat.


ótimo texto,
abraço.

Anônimo disse...

Eu transo no primeiro encontro, se eu tiver afim... Esse falso moralismo é que nao dá, né? Se o cara quer e eu também? Até porque a mulher sente prazer tanto quanto o homem... Agora, se o cara nao ligar no dia seguinte, nao é porque ele nao quis ligar, ne? Eu é que dei o telefone errado..

Juliana.

::Soda Cáustica:: disse...

eu quero conhecer Ploc. é gatinho?

César disse...

Mulher malhada? não, mulher molhada.

Marcelo Mendonça disse...

Onde eu almoço da 10, 11 conto e eu acho caro pá porra!
Porque o cara se chama Ploc Monster?

abraço Bono!

Simone disse...

Mandou bem mais uma vez!