16.5.08

Pititinga

Lembro da primeira vez que eu e mais quatro amigos da Lapinha saímos de carro para beber. Foi na Estação da Cerveja. Era o “point” da época. Éramos apenas garotos. Não tínhamos a manha. Também não tínhamos grana. Pedimos cerveja e bolinho de queijo. Vieram seis bolinhos. Cada um pegou o seu, o último foi no zerinho ou um, e alguém ainda disse “Vocês parecem que nunca viram comida!”.

Hoje eu fujo do bolinho de queijo. É caro e não dá para quem quer. Agora só peço pititinga. O peixinho é, sem dúvida, o melhor tira-gosto do universo. Com um bom molho tártaro, então, é uma beleza. Uma bela porção de pititinga é gostosa, barata e pode durar um tempo de jogo.

Um dia desses, por exemplo, eu estava num bar com um amigo, o Cidade. Não passava jogo algum, mas a pititinga veio caprichada. Já acompanhava a segunda caipiroska. Cidade é um designer que conheci na velha agência. Na verdade, trabalhamos juntos durante pouco tempo. Não sei por que viramos amigos. Talvez porque ele tenha me apresentado ao velho Buk e a algumas bandas. Bem, eu nunca lhe apresentei nada de bom. Quer dizer, apresentei a Lucinha, mas não deu certo. E também nunca fui a nenhum show de sua banda. Prometo sempre, mas aquilo é uma bosta que ninguém ouve.

- Gordo – disse Cidade –, aquela menina tá olhando pra você.
- Qual?
- A de azul.
- A de azul claro?
- Porra, só tem uma mulher de azul.
- Bonita pra caralho.
- Sim, e aí?
- E aí, o quê?
- Porra, ela tá dando mole.
- Tá, não. É assim mesmo. Deve tá me achando parecido com o Ed Mota.
- Porra nenhuma.
- Você vai ver. Daqui a pouco ela chama a amiga, aponta pra mim, e ficam as duas rindo. Você vai ver.
- Ela não tá nem prestando mais atenção na conversa das amigas.
- Esquece. Diz aí, como é que tá Batatinha? Reparou que o Medeiros parece Batatinha do Manda Chuva?
- Bono, ela tá te dando um mole da porra.
- Isso não existe.
- O quê?
- Gata, com aquele cabelinho curto da Fernanda Takai e aquele peito gostoso? Não existe uma mulher daquela dar mole pra mim.
- Você é um gordo viado, isso sim.
- Rapaz, mulher nenhuma nesse mundo sai do trabalho à noite, prum barzinho no Rio Vermelho, pra dar mole prum gordo.
- Mas ela não tira o olho de você. Vai lá, porra.
- Eu não tenho essa auto-estima toda não.
- Você é doente.
- É porque você não passou pelo que passei no segundo grau.
- Vá tomar no cu, Bono. Todo mundo passou pelo segundo grau. Acha que eu peguei alguém no segundo grau? Como é que você acha que eles tratavam quem tinha cabelo crespo como eu?
- Diga logo, cabelo duro.
- Cabelo duro, cabelo ruim. Toda hora os caras passavam a mão assim no meu cabelo e dizia “Porra, isso espeta!”.
- Colé, Cidade. Isso não é nada. Uma vez subi até a quadra com um papel colado em minhas costas dizendo “Sou um viadinho feliz!”. Eu só escutava as gargalhadas.
- Porra, mas eu tinha espinha, cara. Meu rosto era fudido. No segundo ano, até as meninas me chamavam de Chokito.
- Chokito?
- Chokito. Ele não é assim cheio de carocinhos, tem aqueles...
- Porra de Chokito, Cidade! Eu já era gordo, porra! Gordo! Sabe o que é ser gordo no segundo grau?
- É, você ganhou.
- Tô dizendo.
- Mas meu rosto era todo pocado. Era foda. Todo dia minha mãe vinha com um creme diferente.
- Rapidinho, aquele garçom não parece o Vanderlei Luxemburgo?
- Porra, a cara!
- É todo.
- Falar nisso, você viu aquele vídeo do Selton Melo e Seu Jorge?
- Sobre Tarantino? De fuder.
- De fuder, né? Viu aquele negócio dos sósias...
- É, só achei meio forçado dizer que Tarantino parece com aquele cara.
- Federer. Lembra pra caralho, Bono.
- Lembra. Mas diga se o Morrissey não é a cara do Oscar?
- Oscar?
- Que joga basquete...
- Porra! É mesmo.
- Principalmente quando ele ganhou, acho que o Pan-americano. Ele era novo. A cara do Morrissey.
- Velho, na boa, a menina não tira o olho de você.
- Porra, me deixa em paz.
- É sério.
- Deixe ela lá e eu cá. Tá bom assim. Já tô acostumado. Vou pra casa, bato uma punheta e pronto. Ó lá, ó lá, olá...já tá rindo com a amiga. Eu não disse? Tá aí o que você queria. Devem tá rindo de mim, da minha careca. Agora fudeu de vez. Acabou com minha noite. Você é foda, Chokito!
- Você que é um viado gordo.
- Chokito de merda...
- Viadinho feliz...
- Porra, tava pensando numa coisa...
- Outra pititinga?
- Não. Já pensou, o Oscar jogando com uma rosa enfiada no cu?
- Hahaha...
- Tá bom, vamo outra pititinga. Chama aí o Luxemburgo.

48 comentários:

Adriano Caroso disse...

Eu não gosto de pititinga. Como, mas não gosto. Ainda mais quando lembro que em São Paulo eles chamam de manjuba. Já imaginou vc num bar pedindo pro garçom: - Me dá uma manjuba por favor! Que merda! Aliás, acho que Chokito tinha razão, vc devia arriscar a menina. Nunca se sabe, né?

alvarêz dewïzqe disse...

que é isso Ed Motta, não colou na menininha não? que merda

alvarêz dewïzqe disse...

traumas adolescentes são foda.

juniupaulo disse...

Cara, esse é um blog definitivamente terapêutico. Qualquer um com um pouco mais de cabelo, já se sente melhor, em qualquer post.
Parabéns, vc está salvando vidas.

Stephanie disse...

é segundo grau é bizarro, mas até que eu me dei bem, só de ter tirado o aparelho fixo e ter convencido a minha mãe que eu não precisava usar calças um número maior que o meu quadril já melhorou bastante.

hoje em dia encontro gente que diz sentir saudades daquela época e fico com nojinho só de pensar que tem quem acredite que aquilo eram 'bons tempos'.

que porra de vídeo é esse Bono? fiquei curiosa.

abraço

Rackel disse...

'- Não. Já pensou, o Oscar jogando com uma rosa enfiada no cu?'

Putz... adoro esse blog!
rsrsrs

gigi disse...

Amei o texto, pra variar. Ser gordo é foda mesmo. Mas sabe o que é pior? Essa mudança brusca de referencial. Sempre fui magra palito enquanto era suburbana. Depois que passei a freqüentar a zona sul, encorpei e já fui logo tachada de gorda. Aí perdi a linha e inchei forte. É sempre esse não-lugar, sabe? Por muito tempo me senti o México, sempre no lugar errado, na hora errada...

O que é pititinga?

Paulo Bono disse...

Caroso,

LÁ ELE!!!!
...............

Juniopaulo, meu filho.

Obrigado, me sinto melhor em saber que contribuo para sua auto-estima.
...............

Stephanie,

o nome do vídeo é "Tarantino´s mind". Um curta com Selton Melo e Seu Jorge. Não tenho certeza, acho que foi exibido num desses festivais da vida, e roubou a cena dos filmes mais badalados.
É excelente e fácil de achar no youtube:

http://www.youtube.com/watch?v=NmBKavRRGqQ
................

Gigi,

Já é a segunda vez que você pergunta o que é pititinga. É um puta peixinho, minúsculo, frito é uma delícia. só que agora fiquei sabendo que em sampa e no rio o povo chama de "manjuba".
LÁ ELE!!!!
...............

abraço a todos.

kinhoscerq disse...

Fala bono! Amigo, primo, novo leitor e fã!
Pititinga é bom de mais.. mas nunca mais comi.. deu até uma saudade dos tempos de barraca tchê em ipitanga, baba na areia, frescobol e pititinga!! Como era guri ainda, guaraná antartica! iuaehauiehaieuh Tempo bom.. Um abraçao cara!!

Sunflower disse...

Paulo, vc é rei e a careca é a tua coroa!

Em minha supra-obviedade, é claro que eu amei o post. Amo esse curta, tive aquele episódio com o seu Jorge, e essa sua descrição que vc fez qdo as pessoas te confundem com o Ed Mota e tal qual qdo confundem o meu respectivo com quem, quem? Selton Melo.

Falar em Tarantino e a mineira da Fernanda Takai, c não acha que rola um lance meio estranho de sósia com o Tarantino e Samuel Rosa?

Sei não,esses negócio de sósia me deixam meio cabreira.

Danilo Lemos disse...

Primeiro... manjubinha é foda mesmo. Mas prefiro Limão a molho tártaro.

Eu fico pensando quando leio seus texto "Puta que Pariu, eu tinha que ir tomar uma cerveja vendo o jogo do Flamengo com o Bono..."

abraço...

Danilo Lemos disse...

Bono, só pra completar... Cara, fiquei um tempo aposentado do mundo dos blogs... quando eu voltei, senti falta da Jana... onde anda ela?

vc sabe?

Novos abraços...

Cecilia Barroso disse...

Nunca comi pititinga, mas tenho certeza ue a mina tava te dando mole... E você deu mole de não acreditar no Chokito de fé, irmão camarada...

Poliana Paiva disse...

Concordo com a Cecília aqui de cima: uma vez, pra comer um cara gordo, tive que chegar junto de forma violenta, como se eu fosse o homem. Se ele fosse magro, eu podia pagar de mulherzinha e ficar esperando. Tem muita mina que curte gordo! Deixa a opressão estética pras modelos, rapaz! E lembre-se: a indústria da dieta é um engodo. Diet shake, por exemplo, dá gases, é quase como tomar um luftal.
Texto foda, pra variar...
Abraço,

Rodrigo Carreiro disse...

A pititinga com molho tártaro do Mercado do Peixe é campeã, Bono. E seu texto idem!

Paulo Bono disse...

Sunflower,

Aproveita sósia e casa logo.
Sim, já me disseram que Tarantino e Samuel Rosa são primos por parte de mãe.
...............

Lemos,

A última vez que assistir a um jogo do Mengão num bar com um amigo, levamos 3X0 do Nacional do Uruguai. Briguei com esse amigo e com o garçon pelo azar que me deram.
.................

Cecília,

Valeu a força!
..................

Paiva,

Aí sim, se a menina de azul tivesse essa iniciativa toda como você, ela ia conhecer minha pititinga.
...................

Carreiro,

Já vi que você sabe das coisas.
...................

Um abraço a todos.

Duas disse...

se eu for pra salvador, vc me leva pra comer esse negócio?

beijos,

elisa

Laura Pagani disse...

Contemporâneo de Oscar no basquete, o jogador Rosa Branca pode ter sido esta flor alí espetada, sabe-se lá. Sobre as paqueras e a gordura, há uma mágoa que reflete um complexo tolo.Mulher gosta de homem inteligente,sedutor, romântico, canalha, envolvente, gozador, conversador, observador...Quanto mais a mulher apreciar essas qualidades, mais interessante será. Mulheres que buscam homens sarados e bonitos, repare, são babacas, chatas, superficiais. Come-se e se quer ver livre delas. É uma relação que não supera uma trepada. Depois elas reclamam que o cara não telefona do dia seguinte, que são todos canalhas...

Fabio Souza disse...

Pôxa bicho!!!! Já passei várias vezes por esta situação, acreditadndo que a garota estava dando mole, algumas vezes "encostei", destas algumas deram errado, outras deram certo e vale ressaltar que em uma das que deram certo já fazem 14 anos e estou muito bem casado até hoje...

P.S: Essa é equivalente ao caso da aeromoça?

Abração Primo

Paulo Bono disse...

Kinho,

A gente se vê nessa quarta.
..............

Elisa,

Com certeza você vai gostar de pititinga.
...............

Pagani,

Vou pensar nisso tudo.
................

Fabão,

Acho que eu já sabia, antes mesmo de você, que há 14 anos você se saria bem, primo.
A aeromoça é outra história.
...............

abraço a todos.

Ricardo Cidade disse...

Otarão! No segundo grau eu era o gostosão ea cho que aquela mina tava é dando mole era pra mim mesmo!

Paulo Bono disse...

Cidade,

Então por que você não foi lá, sacana?

abraço

Larissa Bohnenberger disse...

Bah. Pelo menos não sou a única que acha o segundo grau um período traumatizante da vida!
Socorro!

SAMANTHA ABREU disse...

ô Bono....
Acho que daríamos muita risada numa mesa de bar. Mas eu só tomo a gelada com amendoim (cavalo e sem casca). Adoro.
E taí outra coisa que adoro: 'parecer' as pessoas com alguém. Uma delícia! ahahahaa


ps: e eu sempre namorei gordos e era deles que eu mais gostava. São os melhores!
ps 2: vc devia ter arriscado com a garota.

Um beijOOOOOO

4rthur disse...

Caralho, Oscar e Morrissey, genial!Samuel Rosa e Tarantino também são bem parecidos. Aliás, o Tarantino's Mind é maneiraço, mó teoria da conspiração.

Manjubinha e Pititica são a mesma coisa. Infelizmente, não sou chegado em frutos do mar. Só comeria com gosto uma sereia.

Em setembro acho que vou pra Bahia. Se passar em Salvador, te dou um toque.

Grande abraço.

Paulo Bono disse...

Larissa,

segundo grau é onde o filho morre e a mãe não vê.
..............

Samantha,

sorte dos seus gordos!
...............

4,

tb tenho tesão em sereias.
...............

abraço a todos

Anônimo disse...

Meu querido, eu fico impressionado com a sua criatividade, você é louco!
Mas vale ressaltar que todo garçom parece com o Wanderlei.
O video Tarantino's Mind é realmente muito bom. Abração
Breno Barretto

Pablo Carvalho disse...

Putz, muito massa o teu blog. Leitura digestiva entre um job e outro, dá até ânimo de encarar os cartões de aniversário e os anúncios de Dia do Médico... Mandou benzaço, irmão!

Guto Amorim disse...

Eu acho que sou a única pessoa que mora no Rio Vermelho, bairro que deveria se chamar de Butecolândia, e que nunca foi em nenhum desses bares.
Só em Dinha, é claro. Todo mundo já foi lá, e que Deus a tenha.

Mas, ninguém mandou eu ser pobre.

Nunca comi pititinga, mas é bem conhecido. Manjuba? Lá ele. Quero não.

abraço

Banana disse...

só eu imaginei o Morissey todo dourado ????

:D

Careca disse...

Paulo, muito legal. Você me lembrou o Humberto e a história da cantada infalível. Um abraço,

Paulo Bono disse...

Breno Imperador,

Realmente, pelo menos 70% dos garçons parecem o Luxemburgo.
....................

Pablo,

Não me fale de cartão de anivesário, porra!
.....................

Guto,

Não se engane. Embora trabalhe por lá, frequento pouco a butecolândia.
.....................

Banana Nanica,

Não só não imaginei, como não entendi o que você falou. Me perdoa.
......................

Carecone,

humberto is the one!
.......................

um abraço a todos

Tamires disse...

rsrs Ah,que saudade.Seus textos estão cada vez melhor Ed.

jupyhollanda disse...

adorei passar por aqui e deu até vontade de estar na mesa do bar com vcs... aliás, sempre fui a menina q ficava sentada com os meninos na festa e no segundo grau as meninas com inveja me taxavam de p(*) e os meninos me achavam a irmazinha... enfim... derrota total, levava fama e não deitava na cama...rsrsrs ( todo mundo tem dessas histórias).

Bjo

La Javanaise disse...

Porra, muito bom rsrs

Ia pesquisar que raios era Pititinga, mas já no primeito coments foi esclarecido - mas a menina ...pô, gordos nunca acreditam nas garotas mesmo e nem algumas amigas acreditam quando dizemos: porra, que gordo lindo !!

Mas acredite Bono, no fundo, toda garota gosta mesmo é de gordo, gordo mesmo - prá chamar de ursinho huahauhuahuahuahua


Beijos !!!!

Paulo Bono disse...

Tamires,

Valeu, essa menina!
....................

jupyhollanda,

Valeu, mana!
....................

la javanaise,

você conta a piada, e você mesmo ri?
....................

abração a todos

BABI SOLER disse...

Afinal é a pititinga a estrela do conto.
Beijo

FOXX disse...

pegou ou naum pegou a menina?

Denis Barbosa Cacique disse...

Paulo, não conheço outra pessoa na blogsfera que escreva tão bem qto vc. E daí, né!? hahahaha
De boa, seu amigo é um puta loser. Me fez lembrar... a mim mesmo!

Denis Barbosa Cacique disse...

Ah é... aqui em SP chamamos de majubinha. Bêbado algum consegue dizer esse nome com tantos "ts". Parece travalingua.

Ane Brasil disse...

O que a pinga não faz.... nêgo acha sósia em tudo quanto é lugar.
Aí, li teu post do corcunda.... emocionante rapá!
Sorte e saúde pra todos!

Paulo Bono disse...

Soler,

Claro que a pititinga é a protagonista.
....................

Foxx,

Não pego nem refriado.
....................

Cacique,

Leia essa galera linkada aí do lado. Tem muita gente boa.
....................

Brasil,

Nada disso, não é pinga. sou bom mesmo em achar sosías.
....................

abraço a todos

Larissa Santiago disse...

nao pega nem resfriadooOO??
rum, seii...
vê assim eh garanhão e gosta das piriguetes que chegam sem rir!
:P

Marcelo Mendonça disse...

Todo mundo se parece, hahaha
saudades dos seus textos rapaz, andei sumido, meio chateado comigo mesmo e agora tô voltando.
grande abraço meu velho

Ada Amarante disse...

Querido Bono,

Pititinga!?, só gosto de cangulo!!!rsrs.

Coração dos outros é terra que ninguém anda, disse assim minha mãe.vai ver se vc não perdeu uma oportunidade com a gata!!


Bono sei que é bom em sósia,
me consideras sósia de Julia Roberts?! rsrs bjin.

Paulo Bono disse...

Larissa,

garanhão, eu? você é ótima.
.................

Mendonça,

Bom tê-lo de volta, rapaz. capricha lá no caralha.
.................

Amarante,

Saudade de você, essa menina.
cangulo? Lá ele!
Não se compare com putinha da júlia roberts. você é massa, baixinha.
.................

abração

Anônimo disse...

E vc não foi flar com a menina? Caraaaaaaaalho, hein?

Beijos, Adri
http://drikaninha.zip.net/

Nadja Reis disse...

Rrsrsrs...engraçado teu texto!Gostei muito do seu blog! =)